SIENP
Simpósio Internacional de Estomaterapia do Noroeste Paulista

  • 26 a 28 de abril de 2018
    Vol. 4, abril ISSN: 2526-7078
  • São José do Rio Preto, SP - Brasil
    Teatro UNIP (Campus JK)
  •  
    Trabalho

    Tema: Outro

    Antieméticos no manejo das náuseas e vômitos induzidos pelos quimioterápicos

    JACQUELINE CAZARIN, Ana Claudia Pena, Eliana de Freitas Parreira, Quezia Souza A. Ferreira, Tania Valderrama, João Junior Gomes

    Introdução: Atualmente uma das modalidades terapêuticas mais empregadas notratamento do câncer é a terapia farmacológica, com a utilização de quimioterapiaantineoplásica. Tais tratamentos, apesar de muitas vezes serem efetivos contra o câncer,exercem sua função às custas de inúmeros eventos adversos para o paciente, sendo osmais observados náuseas e vômitos que podem também afetar em seu estado emocional.Objetivo: Descrever sobre o uso e recomendações dos principais antieméticos notratamento e prevenção de náuseas e vômitos em quimioterapia antineoplásica.Metodologia: Trata-se de uma revisão de literatura, nas bases de dados SciELO, Lilacs– Bireme, Pub Med e Google Acadêmico, realizada no período de agosto à outubro de2014. Foram selecionados 32 estudos, mas apenas 11 se adequaram aos critérios deinclusão. Resultados: Os estudos analisados relatam que náuseas e vômitos induzidospela quimioterapia são as complicações mais temidas e nas últimas décadas observou-semuitos progressos no manejo desses sintomas com o uso dos antieméticos destacando-se o uso de esteróides, antagonistas 5-HT3 e o aprepitanto. Conclusão: Náuseas evômitos são efeitos adversos comuns em pacientes em tratamento com agentesantineoplásicos, e estes sintomas tem importante impacto na qualidade de vida, estadoemocional e nutricional dos pacientes, sendo descritos como um dos seus maioresmedos antes de iniciar o tratamento, estes eventos devem ser prevenidos e tratados demaneira correta pois podem causar recusa à continuidade do tratamento. A terapiaantiemética é uma parte primordial no manejo de pacientes com câncer. Palavras-chave: Quimioterapia, náuseas e vômitos, antieméticos, câncer, agentes antineoplásicos.

    Palavras-chave: Jacqueline Cazarin, Ana Claudia Pena, Eliana de Freitas Parreira, Quezia Souza A. Ferreira, Tania Valderrama, João Junior Gomes


    1. BECKER, J NARDIN, J.M. Utilização de Antieméticos no Tratamentoantineoplásico de Pacientes Oncológicos. R. Bras. Farm. Hosp. Serv. Saúde. 2011Setembro/dezembro. v.2, n.3, 18-22.
    2. SAWADA, N. O NICOLUSSI, A. C OKINO, L CARDOZO, F. M. C ZAGO, M.M. F. Avaliação da qualidade de Vida de Pacientes com Câncer Submetidos àQuimioterapia. Rev. EscEnferm USP. 2009 V. 43 n.3 581-7. Disponível em www.scielo.br/ree
    3. CONSENSO BRASILEIRO DE NÁUSEAS E VÔMITOS. Rev. Bras. De CuidadosPaliativos 2011, v. 3, n. 3-Suplemento 2 3-26
    4. MASC (2011) MASC/ESCMO antiemetic guideline 2011 (Hillerod: MultinationalAssociation of Supportive Care in Cancer).
    5. NCCN (2012) clinical practice guidelines in oncology (NCCN Guidelines TM):antiemesis (Fort Washington: National Comprehensive, Cancer Network)
    Garanta já
    a sua vaga
    QUERO ME
    INSCREVER AGORA
    Compartilhe esse Evento
    PROMOÇÃO E REALIZAÇÃO


    PATROCINADORES

    APOIO CIENTÍFICO

    APOIO INSTITUCIONAL